quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Discussões do Livro / Parte II

ASC = abuso sexual em crianças

Os mitos e a realidade do abuso sexual em crianças (apenas alguns...)

MITO: O ASC não é tão comum quanto as pessoas pensam.
REALIDADE: O ASC está, sem dúvida, mais difundido do que as pessoas percebem. Acredita-se que o ASC ocorre em geral com uma entre quatro garotas e com um entre seis garotos. O ASC é algo sistemático e que pode algumas vezes durar por muitos anos.

MITO: O ASC ocorre apenas em certas comunidades / culturas / classes.
REALIDADE: O abuso sexual em crianças ocorre em todas as culturas, comunidades e classes. O ASC não acontece só com outros, pode acontecer com qualquer criança em qualquer lugar. Somos atraídos pela falsa idéia de segurança de que nossas crianças  estão fora de perigo.

MITO: O ASC é desculpado pela Bíblia.
REALIDADE: A Bíblia está sujeita a todo tipo de interpretações. Abusadores podem utilizar essas interpretações para fornecer uma desculpa para abusar sexualmente de crianças. A Bíblia, porém, exige a proteção das crianças e o banimento de atos sexuais imorais.

MITO: O ASC ocorre apenas em famílias desestruturadas.
REALIDADE: Famílias não abusam sexualmente das crianças; os Indivíduos é que o fazem. O ASC pode ocorrer em qualquer família.

MITO: O abuso sexual em crianças está aumentando.
REALIDADE: O ASC existe há séculos. Ainda que muito do ASC permaneça oculto, é provável que seja menos oculto hoje do que no passado.

MITO : Estranhos abusam sexualmente das crianças.
REALIDADE: A pesquisa atual mostra que, em aproximadamente 87% dos casos, o abusador é alguém conhecido da criança e que tem a confiança dela.

MITO: Apenas homens homossexuais abusam dos garotos.
REALIDADE: Homens tanto heterossexuais como homossexuais ou bissexuais abusam das crianças. Na realidade, a maioria dos abusadores são heterossexuais.

MITO: Mulheres não abusam sexualmente das crianças.
REALIDADE: A pesquisa sugere que aproximadamente 20% a 25% dos ASC são perpetradas por mulheres.

MITO: O abuso sexual é sempre violento.
REALIDADE: O ASC pode ser violento, mas a maneira pela qual é infligido não necessariamente envolve algum tipo de violência física. A maior parte dos ASC envolve engodo, manipulação e "lavagem cerebral" sutil da criança. De início, muitos pedófilos  demonstram pela criança atenção, afeição e "amor" extra-especiais e, então, a chantagem para garantir que ela se submeta ao abuso sexual e permaneça quieta, o que é feito pela remoção do amor e da atenção ou pela recompensa da criança com agrados ou presentes. Alguns pedófilos garantem o silêncio da criança com ameaças contra ela, seus pais, irmãos ou animais de estimação.

MITO: Não há abuso sexual se a criança consentiu.
REALIDADE: A criança não é capaz de saber do que ela está participando, nem as consequencias do seu comportamento e, como tal, não é capaz de dar consentimento. Uma criança não está totalmente consciente da sua sexualidade ou do sexo e de todas as suas complexidades. Em geral, a criança não tem escolha, a não ser consentir com o abuso sexual. Isso é submissão, não consentimento.

Continua...













               

Nenhum comentário:

Postar um comentário