quinta-feira, 16 de junho de 2011

Repassado por Hermano José / Comunidade NEGLIGÊNCIA E ABUSO NUNCA

NEGLIGÊNCIA E ABUSO NUNCA. 
De acordo com um relatório emitido por uma agência das Nações Unidas, o tráfico humano é um dos negócios ilícitos mais lucrativos na Europa. O relatório foi lançado nesta terça-feira (29), em um evento onde a Espanha se tornou o primeiro país do continente a integrar a UN Blue Heart Campaign (Campanha Coração Azul da ONU, em tradução livre) contra o tráfico de pessoas.

O relatório, elaborado pelo Escritório das Nações Unidas contra Drogas e Crime (UNODC), mostra que grupos criminosos lucram cerca de três bilhões de dólares por ano através da exploração sexual e do trabalho forçado de pessoas na Europa. A maioria das vítimas são jovens mulheres que são submetidas a estupros, violência, encarceramento, entorpecimento e outras formas de abuso.

No mesmo evento onde o relatório foi apresentado, a Espanha, que atualmente ocupa a presidência da União Europeia, se tornou o primeiro país europeu a a integrar a Blue Heart Campaign, que almeja despertar a consciência de governos, sociedade civil, a mídia e o público em geral sobre o tráfico humano. O Diretor Executivo do UNODC, Antonio Maria Costa, pediu que todos os países da Europa se juntem à campanha.

Atualmente, mais de 2,4 milhões de pessoas no mundo inteiro – 80% mulheres e crianças – são vítimas de tráfico humano, sofrendo exploração sexual e de trabalho. Outras formas de tráfico humano incluem servidão doméstica, remoção de órgãos e exploração de crianças. Na Europa, mais da metade das vítimas são dos Balcãs e da ex-União Soviética, 13% são da América do Sul, 7% da Europa Central, 5% da África e 3% do Leste da Ásia.

O relatório também mostrou que, apesar de geralmente homens serem condenados como traficantes, mulheres frequentemente são usadas como fachada de gangues para enganar vítimas. Também foi relatada uma “forte correlação” entre a nacionalidade das vítimas e seus recrutadores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário